PRODUTOS DIGITAIS: TOP 10 PRODUTOS DIGITAIS MAIS VENDIDOS NA INTERNET

O que São Produtos Digitais?

O termo produtos digitais é descrito como itens “armazenados, entregues e usados ​​em formato eletrônico”. Esses produtos são intangíveis e são enviados eletronicamente por meio de mídia online, como e-mail ou links de download após o pagamento online pelo cliente.

Existem muitos tipos diferentes de produtos digitais disponíveis para os clientes. Estes incluem e-books, arquivos de música, rádio e televisão na Internet, mídia de streaming, fontes, gráficos e imagens, obras de arte e impressões, assinaturas de revistas online, sites e sites de associação, anúncios on-line, cupons, e-tickets, modelos de sites, manuais, Webinars e tutoriais em vídeo, instrumentos financeiros negociados eletronicamente, software, jogos , dinheiro virtual entre muitos outros.

 

Vantagens Da Venda De Produtos Digitais

Algumas vantagens são compartilhadas por Jimena Diaz de Vivar. Ela possui uma loja no PrestaShop, um mercado de comércio eletrônico . Seus produtos incluem modelos de design gráfico para festas temáticas. Estes incluem printables, como convites, cartazes, guardanapos e itens de apresentação de alimentos que podem ser baixados.

  • Estoque ilimitado –Uma das principais vantagens de um produto digital é que ele nunca estará sem estoque. Esta característica é exclusiva de um item digital. Enquanto o produto permanecer relevante para o cliente e, portanto, em demanda, ele pode ser vendido sem necessidade de se preocupar com a fabricação e o armazenamento.
  • Custos baixos –Embora ainda haja custos substanciais, como pesquisa e desenvolvimento, quando se trata de produtos digitais, como software ou jogos avançados, existem outros custos que são mínimos ou inexistentes. Estes incluem custos de inventário, embalagem, transporte e armazenamento e gerenciamento de armazéns.
  • Base de clientes mais ampla –Com a falta de barreiras tradicionais, como custos aduaneiros e de transporte, a área de cobertura de um produto pode aumentar substancialmente. A distância do cliente do criador do produto torna-se irrelevante e milhões de clientes potenciais podem ser acessados ​​facilmente.
  • Sistema automatizado –Uma vez que toda a transação do produto digital é mais simples, um bom sistema automatizado pode ajudar os produtos digitais a vender quase por conta própria. A ordem pode entrar a qualquer momento do dia e ser processada e até entregue sem ter que esperar que um humano intervenha.

Alguns outros benefícios incluem:

  • Menos erros –No envio e entrega de produtos físicos, há sempre a chance de um produto perdido ou incorreto. Corrigir esses erros pode levar tempo e ser caro. Muito pelo contrário, em produtos digitais, tais erros são extremamente fáceis de corrigir. Um link de download errado, um erro no download são todos erros que são facilmente corrigidos com um mínimo de custo e tempo.

 

Desvantagens da venda de produtos digitais

Como esperado, há algumas pequenas desvantagens ou desafios da venda de produtos e serviços digitais. Esses incluem:

  • Manutenção do equipamento –Todo o equipamento envolvido na criação e disseminação do produto digital precisa ser mantido em boas condições para garantir que não haja falhas no sistema. Isso significa a solução de armazenamento, os servidores e a conectividade com a internet entre outros aspectos.
  • Concorrência –As muitas vantagens deste tipo de produto significam que sempre há uma chance de mais e mais pessoas terem tido a mesma ideia ou similar e estarão no mercado concorrendo à atenção do cliente e ao dólar. Mais concorrência significará que nenhum preço premium pode ser cobrado e, em vez disso, um criador pode ter que vender pelo valor real do produto apenas para consolidar a base de clientes.
  • Copycats –Um produto digital pode ser copiado facilmente uma vez que é vendido. Quer se trate de um e-book ou de um gráfico, as barreiras à reprodução são muito poucas e apenas levará a uma maior concorrência no mercado.

 

Gerando O Lucro Da Venda De Produtos Digitais

Existem milhares de pessoas que vendem produtos eletrônicos em linha já. Muitos destes são produtos que são semelhantes a quaisquer idéias que você possa ter. Uma estratégia cuidadosamente planejada e executada pode ajudar a garantir que você possa gerar lucros com seu produto digital, independentemente da paisagem competitiva. Algumas etapas importantes a este respeito são discutidas abaixo:

O Que Vender?

O primeiro passo para estabelecer um produto digital bem sucedido é decidir o que criar e vender. Você pode ter um talento ou paixão particular que pode ser convertido em um produto digital que também será cobiçado por outros. Metade da batalha da criação de um negócio de produtos digitais bem sucedido é escolher o produto certo para vender. A escolha certa pode significar um negócio lucrativo, enquanto a escolha errada pode levar a uma perda de investimento e receita. Algumas perguntas-chave a serem feitas sobre o produto final incluem o seguinte.

  • Qual é a demanda e o fornecimento para a idéia do produto? Estude as tendências do mercado para avaliar a demanda pelo produto e quão bem essa demanda está sendo atendida pelos fornecedores existentes. O mercado ideal seria aquele em que há uma demanda elevada, mas uma oferta inadequada.
  • Você pode oferecer algo mais? Se o mercado já tem muitos fornecedores, então a pergunta para saber se você pode oferecer algo único ou algo extra para a base de clientes. Este aspecto único deve ajudar a separá-lo dos outros no campo competitivo.
  • O seu produto escolhido é em uma categoria de nicho? É mais fácil encontrar o equilíbrio certo de alta demanda e baixo fornecimento se você olhar para uma categoria de nicho ou produtos especializados que atendam a um determinado segmento de clientes. Menos concorrência dentro dos fornecedores significará que é mais fácil formar uma base de clientes forte e ganhar lucros mais rapidamente.
  • Qual é a relação entre custo de produção e lucro? A questão-chave a perguntar é se você poderá lucrar com o seu produto digital ou não. Quais são suas despesas ou custos de produção e qual é o preço potencial que você pode cobrar de um cliente de forma realista. Se o retorno do investimento vale a pena, então o seu produto vale a pena prosseguir.
  • Seu produto tem longevidade ou é uma tendência? Os itens que seguem uma tendência provavelmente serão ideais para um negócio de curto prazo. Pode haver outros itens que não seguem uma tendência específica e sempre permanecem na demanda por um público mais amplo ou um nicho de mercado. Esta é uma situação difícil de avaliar, uma vez que algumas tendências raras acabam se tornando a norma. Uma análise de mercado e pesquisa podem ajudar nesse sentido. Alguns bons lugares para analisar as tendências são os mercados on-line que se especializam na venda de produtos digitais.

 

Quando você pensa em produtos digitais para vender, você pode pensar em livros eletrônicos, música, fotos, vídeos e software. Mas outros produtos digitais, como padrões, clip art, tutoriais, documentos e receitas, também vendem bem. Por definição, os produtos digitais são itens que podem ser baixados pela Internet. Você não precisa gastar uma grande quantidade de dinheiro em produtos digitais como faria com produtos físicos. A música é um bom exemplo. Para um disco com 12 músicas, você pode pagar mais de US $ 10. No entanto, você pode entrar on-line e baixar uma música que você gosta por menos de US $ 1. Você obtém-lo imediatamente, e você não precisa se preocupar com o disco ficar riscado.

 

Top 10 Produtos Digitais Vendidos On-Line

  1. Ebooks – Os produtos digitais mais populares são, provavelmente, livros eletrônicos. Eles vêm em uma variedade de gêneros. O formato do eBook deu a novos autores uma ótima oportunidade para auto-publicar seu trabalho, trabalho que nunca pode ser publicado em uma editora tradicional. Os mais vendidos também se vendem bem como livros eletrônicos e geram receita adicional através desse meio alternativo.
  2. Música – Os arquivos de música, como os MP3, são tão populares quanto os livros eletrônicos. Enquanto o rádio online é bom, os amantes de música têm músicas favoritas que muitas vezes ouvem repetidamente. E ter uma avenida legítima para os clientes comprarem música eliminando problemas de pirataria. Se a música é boa, o artista provavelmente pode obter mais vendas on-line do que vender offline, especialmente se a música for viral.
  3. Imagens – Antes de poder vender fotos on-line, fotógrafos e artistas tinham uma habilidade limitada para alcançar as massas. Ser capaz de vender fotos e fotos on-line deu aos especialistas um público maior, o que leva a mais vendas.
  4. Vídeos – Vídeos, como a maioria dos filmes populares de Hollywood, estão ganhando popularidade diariamente. Acessar vídeos e filmes online é mais simples e rápido do que ir à loja. Os vídeos on-line incluem filmes, vídeos de música, vídeos de ações e tutoriais em vídeo.
  5. Software – O software baixado da Internet é geralmente menos caro e mais rápido do que comprar um disco físico. Comprar software on-line também é melhor para editores de software porque eles não precisam investir seu dinheiro e recursos em distribuição e logística.
  6. Designs & Patterns – Padrões de imagens, roupas e outros produtos são populares quando vendidos em um nicho de mercado. Projetos e padrões são procurados por pessoas envolvidas em diferentes tipos de negócios, como moda, arquitetura, design de interiores e design web.
  7. Clip Art – Clip Art nem sempre é vendido. Existem sites gratuitos de clip art; No entanto, para aqueles que querem os direitos de imagens específicas ou uma imagem de alta qualidade, as pessoas geralmente precisam pagar por isso.
  8. Tutoriais – Tutoriais para uma série de produtos, dispositivos e conceitos baseados em informações podem ser vendidos online, embora isso não seja tão popular quanto o formato do eBook. Muitas vezes as pessoas acessam a Internet para encontrar soluções para seus problemas e, se o problema for crítico, não se importam em pagar por um tutorial bem escrito.
  9. Documentos – Documentos como testamentos, acordos de arrendamento, acordos de não divulgação e modelos de planos de negócios são vendidos on-line para ajudar empresas e particulares. Eles ajudam pessoas que não têm acesso a documentos legais ou outros documentos especializados e pessoas que não querem pagar muito dinheiro para advogados e especialistas.
  10. Receitas – As receitas podem estar disponíveis gratuitamente online. Eles também são vendidos como bens digitais. As pessoas podem baixar um livro de receitas inteiro em vez de apenas uma receita. Isso lhes dá muitas receitas novas de um cozinheiro favorito. As pessoas que querem impressionar seus amigos e familiares provavelmente pagarão por boas receitas.

 

Como Criar Produtos Digitais?

Depois De Ter Decidido O Seu Gênero E Nicho, Agora É Hora De Realmente Criar O Produto Digital. É Importante Organizar-Se Para Assegurar Que Você Consegue Criar Com Sucesso Um Produto Em Vez De Perder O Interesse A Meio Caminho. Alguns Passos Básicos A Seguir Na Fase De Criação Do Produto Incluem:

  • Plano –Além De Decidir O Que Criar, Esta Etapa Deve Incluir O Tempo Gasto Na Coleta E Compilação De Todos Os Seus Pensamentos E Idéias Em Um Só Lugar. É Uma Boa Idéia Usar Mindmaps Ou Brainstorming Para Dar Profundidade À Sua Idéia Escolhida.
  • Criar Primeiro Rascunho –Uma Vez Que As Idéias São Editadas E Organizadas, É Hora De Criar Um Primeiro Rascunho. Isso Se Aplica A Todos Os Tipos De Produtos. Essencialmente, É A Primeira Tentativa De Criar Qualquer Conteúdo. Esta Etapa Pode Ajudar A Resolver Problemas Com A Própria Idéia, Bem Como Com O Método Usado Para Criar O Conteúdo.
  • Polaco –É Aqui Que A Primeira Tentativa É Dissecada E Estudada Para Garantir Que O Produto Final Seja Polido E Pronto Para Ser Finalizado. É Importante Nesta Etapa Se Separar Do Trabalho E Abordá-Lo Com Uma Mente Fresca E Aberta.
  • Editar –Nesta Fase, É Uma Boa Prática Fazer Com Que Alguém Analise Seu Trabalho Para Corrigi-Lo Ou Editá-Lo. Se Não Houver Um Grande Orçamento Para Esta Atividade, Você Pode Pedir A Um Amigo Para Trocar O Serviço Por Um Favor Ou Liberá-Lo Para Alguns Super Usuários Ou Clientes-Chave Para Uma Pré-Visualização.
  • Pacote – AEmbalagem Em Um Produto Virtual Pode Ser Tão Importante Quanto Em Um Físico. Se Você Está Escrevendo Um Ebook, Verifique Se Ele Está No Formato Certo Para Baixar E Ler, Se For Um Vídeo, Você Precisa Projetar A Página Certa Para Carregá-Lo E Garantir A Facilidade De Acesso.

Como Vender?

Com o produto em mãos, agora é hora de vendê-lo aos clientes certos ao preço certo.

Como Obter Clientes

O melhor produto nunca será vendido se não for comercializado para a audiência correta no momento certo e do jeito certo. O marketing é um elemento-chave para ganhar clientes e não é tão simples quanto parece. Algumas boas ideias para obter clientes incluem:

  • Ensine –Se você tem algum conhecimento específico ou aprendeu coisas ao longo do caminho, é uma boa idéia compartilhar isso com seu público. Isso ajuda a criar credibilidade e confiança, o que leva as pessoas a ter mais chances de comprar o que você vende mais tarde.
  • Redes Sociais –As redes sociais são uma ótima maneira de se conectar diretamente com o público e construir uma comunidade. Esta comunidade pode ser mais tarde destinatária das suas atividades de marketing. A rede social certa precisa ser selecionada com base no tipo de cliente que está sendo direcionado, pois diferentes segmentos provavelmente usarão tipos específicos de mídias sociais .
  • Publicidade em sites da indústria –Se sua indústria tem sites ou fóruns dedicados, pode ser uma boa idéia anunciar seu produto digital lá para ganhar os visitantes certos.
  • Aproximando-se dos blogs certos –Pode haver opinião de fazer blogueiros em seu segmento de clientes direcionados. Esses blogueiros podem ser abordados e fornecidos com amostras do seu produto para obter críticas e criar um buzz.

Como preço

O preço é um problema complicado, pois o equilíbrio certo precisa ser atingido entre o retorno do investimento que você precisa para fazer o esforço valer a pena por si mesmo e qual o valor que o cliente atribui ao item e, consequentemente, está disposto a pagar. Duas áreas-chave para lembrar enquanto os preços são discutidos abaixo.

  1. Preços baseados em valores. Em vez de comparar os preços de produtos ou serviços simil
  2. 0ares no mercado, a ideia de preços corretos é entender o valor que o produto está criando para o público. Se o valor atribuído a um produto for maior, então um cliente estará disposto a comprá-lo a um custo maior. Se não houver um valor percebido do produto, então ele não venderá, mesmo que tenha preços muito baixos.
  3. Preços em série. Outra estratégia de preços valiosa é usar preços cansados ​​ou múltiplos. Isso significa criar ofertas de pacotes atraentes para o cliente. Por exemplo, em US $ 30, o cliente receberá um e-book com instruções básicas enquanto estiver em US $ 60, eles também receberão vídeos complementares e em US $ 90, um manual sobre como ensinar isso a outras pessoas.

Lançamentos de produtos digitais

Uma vez que o produto está pronto para vender, é hora de iniciá-lo com a fanfarra apropriada. Um bom lançamento do produto deve incluir:

  • The Right Timing –O tempo certo pode fazer a diferença entre um sucesso e uma falha. É uma boa idéia evitar feriados se seu produto não estiver relacionado e planejar em torno deles se for. Outro aspecto é ver quando seu público-alvo é o mais ativo e disposto a comprar. Isso pode ser dias da semana para alguns e fins de semana para outros.
  • Criando um buzz –Outra boa maneira de garantir um lançamento bem-sucedido é criar um buzz que leva a ele. Isso pode ser feito disponibilizando o produto para um determinado grupo de pessoas antes de outros e encorajando-os a falar sobre isso. Outra maneira poderia ser disponibilizá-lo para um preço especial mais baixo durante os primeiros dias ou agrupá-lo com outras ofertas interessantes para incentivar a compra.
  • Promoção dentro da sua rede –Dentro da rede que você está segmentando, comece a criar emoção sobre um novo produto com algum tempo de antecedência. Deixe algumas dicas, mas mantenha as pessoas adivinhando.
  • Call in Favors –Se você tem construído relacionamentos mutuamente benéficos dentro de sua comunidade e rede, agora é hora de pedir ajuda. Você pode fazer isso escrevendo posts de visitantes, pedindo aos blogueiros que compartilhem o que você está compartilhando em redes sociais e e-mails, pedindo que outros façam uma doação para ser adicionado à compra, bem como depoimentos.

Manejo De Roubo E Pirataria De Produtos Digitais

Este é um efeito colateral infeliz da venda de produtos digitais on-line e é extremamente difícil de enfrentar. De acordo com Nathan Barry, o fundador do  ConvertKit , um aplicativo de marketing por e-mail, bem como o autor do  The App Design Handbook  e  Designing Web Applications ,

O que ele faz é frequentar regularmente os resultados de pesquisa do Google e enviar solicitações de remoção para o Google para sites de download torrent e gratuito que aparecem antes do seu site real nesses resultados. Uma vez que estes são removidos, ajuda a mover o site real para o topo dos resultados e as pessoas são direcionadas para ele.

 

Plataformas De Produtos Digitais

Hotmart  www.hotmart.com.br

Hotmart é uma plataforma EAD especializada em

produtos digitais, líder do seu segmento na América Latina, e com vendas realizadas em mais de 150 países ao redor do mundo.  Mas para muito além disso, somos uma empresa cuja missão é permitir que pessoas possam aumentar sua renda, compartilhando com o mundo o que elas têm de melhor.

E como fazemos isso? Juntando as três pontas do processo de vendas: Produtor, Afiliado e comprador.

Parece complicado, mas na verdade é muito simples. O que é a Hotmart e como ela funciona:

Uma pessoa com conhecimento em determinada área, cria um produto para compartilhar sua habilidade com o mundo.

Pessoas com bom relacionamento e facilidade para fazer vendas fazem a ponte entre o Produtor e consumidor.

O consumidor que está em busca de conhecimento pode comprar o produto na nossa plataforma, seguindo o Hotlink do Afiliado ou do Produtor.

 Eduzz  www.eduzz.com

A Plataforma de afiliados da EDUZZ é uma plataforma de infoprodutos, onde professores e produtores disponibilizam seus conteúdos através de Vídeo-aulas, documentos, softwares e e-book’s.

Visando pelo desenvolvimento e educação das pessoas que buscam conhecimento e especialização em diversas áreas.
EDUZZ  hoje possui 2 tipos de afiliações:
Produtor – Aquele que possui um produto e deseja divulgar em nossa plataforma para outras pessoas se afiliarem e divulgarem seu produto, recebendo uma comissão a cada venda realizada.
Afiliados – Aquele que deseja achar um produto no qual irá divulgar em sua audiência, seja ela, blog, e-mail, redes sociais, etc.

No Hotmart as comissões podem ser sacadas somente após 30 dias, pois todos os produtos possuem garantia ao comprador.
Na EDUZZ uma parte das comissões pode ser sacada 2 dias após a compra. O percentual do valor é determinado pela EDUZZ, pois a EDUZZ avalia o risco de reembolso de cada produto. Quanto menor o risco, maior a possibilidade de liberar a comissão em 2 dias.

 Monetizze  www.monetizze.com.br

Monetizze, que chegou ao mercado com a missão de concorrer com as gigantes do mercado, tais como a própria Hotmart.

A empresa surgiu do sonho dos empreendedores Márcio Motta, Roberto Costa e Juliano Torriani. Eles sonharam em levar ao mercado digital uma ferramenta que contribuísse com aqueles que compram, vendem ou simplesmente divulgam produtos digitais em troca de uma comissão nas vendas, ou seja, os afiliados.

Pouco tempo depois, o projeto tomou corpo e ganhou vida sob o nome de Monetizze, uma plataforma moderna com ferramentas exclusivas capazes de ajudar os empreendedores digitais no trabalho de divulgação de seus produtos e ainda facilitar a vida dos compradores que estão em busca de conhecimento e conteúdo premium no ambiente online.

Graças a esta plataforma, tanto os produtores – que criam produtos digitais para vender – quanto os afiliados e compradores, contam com a parceria de um serviço que se consolida cada dia mais no mercado do marketing digital brasileiro.

 

Clickbank  www.clickbank.com/pt+

Operando desde 1998, a ClickBank possivelmente foi uma das primeiras empresas do mundo a comercializar apenas produtos digitais pela internet, e atualmente deve ser uma das maiores empresas do mundo nesse segmento. Vale dizer que na ClickBank encontramos uma boa variedade de produtos digitais, entre eles cursos e também muitos plugins e softwares, fora outros tipos de produtos digitais. É possível também ser afiliado, vendedor ou comprador na ClickBank.

Estreando oficialmente aqui no Brasil só em 2013, o ClickBank não é a plataforma de produtos digitais mais conhecida por aqui, devido ao fato de ter chegado já na “era pós Hotmart”. Ou seja, o mesmo ainda é bem desconhecido por todos, tanto produtores quanto compradores, e isso se deve a dominação que o Hotmart tem sobre esse segmento no Brasil.

 Jvzoo  www.jvzoo.com

JVZoo é relativamente recente no universo dos afiliados. Mesmo assim, desde a sua criação em 2009, tem conseguido milhares de novos utilizadores, sejam eles vendedores ou promotores. Esta popularidade deve-se, provavelmente, ao facto de que a plataforma facilita os pagamentos aos afiliados através de contas Paypal.

Mal receba dinheiro por uma transação, esse mesmo dinheiro é transferido para a sua conta. Isto por si só trouxe uma grande novidade, especialmente se tivermos em conta que outras redes de afiliados só fazem o pagamento de forma semanal ou mensal.

Uma das principais particularidades a separar o JVZoo de outros programas de afiliados relaciona-se com o tipo de produtos de afiliados aí encontrados. Todos os produtos desta plataforma são digitais e podem ser adquiridos através de um download. Não se preocupe: existem produtos distribuídos por mais de 20 categorias, todas elas capazes de tocar nichos de mercado que vão de áreas como o marketing digital à medicina dentária.

Agora você preparado para criar o seu produto digital! Se você gostou do nosso conteúdo, clique em “Quero saber mais” para receber mais informações diretamente em seu e-mail!

 

Leia Também: E-MAIL MARKETING: 14 TIPOS DE E-MAIL MARKETING PARA VOCÊ USAR NA SUA ESTRATÉGIA

Henrique

Olá, meu nome é Henrique Toretto, tenho 25 anos. Sou Empreendedor Digital e a minha missão é ajudar você para que você consiga montar o seu negócio digital do Zero e trabalhar em casa de maneira lucrativa e honesta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *